Oral Sin cresce mais de 60% e fatura R$ 671 milhões

Oral Sin cresce mais de 60% e fatura R$ 671 milhões

Apenas no terceiro trimestre de 2021, a empresa cresceu 16% em relação aos três meses anteriores e faturou R$216 mi

A Oral Sin, rede de franquias de implantes dentários, apresentou crescimento acima da média no último ano. Entre setembro de 2020 e outubro de 2021, a empresa faturou cerca de R$ 671 milhões e cresceu quase 64% em número de unidades inauguradas. Já o balanço do terceiro trimestre do ano, a cifra chegou a R$ 216 milhões e o número de unidades apresentou incremento de quase 17%.

Além disso, de julho até setembro deste ano, a rede contabilizava 332 unidades em operação, 37 comercializadas e 50 inauguradas. Este crescimento se mostra em linha com aqueles divulgados pela ABF (Associação Brasileira do Franchising) em seu último balanço. Segundo a entidade, no período, o segmento de Saúde, Beleza e Bem-estar cresceu 9,1%, ficando atrás apenas de Turismo e Hotelaria e Casa e Construção.

“Estamos bastante satisfeitos com o desempenho da rede, que vem batendo recordes sucessivos de vendas de unidades e no faturamento. Com isso, esperamos que até o fim do ano, os números se tornem ainda mais positivos e que, em 2022, esta média se mantenha”, afirma o dentista e CEO da Oral Sin, Felipe Sapata.

A meta da rede é fechar 2021 com 368 unidades em operação e outras 130 comercializadas. Um dos principais atrativos da marca é o fato de apresentar o maior faturamento médio entre as franquias do segmento odontológico, na casa dos R$ 250 mil, com ticket médio de R$ 5 mil a R$ 6 mil. Outro número que reflete o sucesso do negócio é o fato de que mais de 70% dos franqueados serem donos de várias unidades.

A Oral Sin disponibiliza três modelos de franquias com um investimento inicial a partir de R$ 535 mil, com um faturamento que pode chegar a mais de R$ 3,7 milhões anuais, dependendo do modelo. O prazo previsto de retorno é de 18 meses. “O atendimento humanizado e a forma acolhedora com que recebemos nossos pacientes são nossas marcas registradas. Somadas a isso está a flexibilidade do pagamento, o que faz com que nossos serviços sejam acessíveis e, o mais importante, democráticos. Temos plena ciência de que um sorriso não é capaz de devolver somente a autoestima, como também a saúde. Este é nosso foco: queremos ver pessoas felizes e saudáveis”, conclui Felipe.

Fonte: assessoria de imprensa

Por Rafael Gmeiner
Editor do site Mundo das Franquias


Agência VitalCom
Rafael Gmeiner

Rafael Gmeiner

Jornalista, especialista em Produção de Conteúdo e Assessoria de Imprensa. Atualmente é CEO da Agência VitalCom e do site Mundo das Franquias. Há 20 atuando com Jornalismo e Comunicação, conta sua experiência com passagens por jornais impressos, televisão, rádio e sites, e acumula sete anos no segmento de Franquias