4 casais que resolveram empreender na pandemia

4 casais que resolveram empreender na pandemia

Os sócios revelam as vantagens e os desafios em estender a parceria de vida para os negócios e como conduzir as duas

Cumplicidade, objetivos em comum e divisão de tarefas são a base para um bom relacionamento amoroso, mas é muito comum casais estenderem a parceria de vida para os negócios.

Já em clima de Dia dos Namorados, você vai conhecer as histórias e desafios de quatro casais que, mesmo diante de uma pandemia, optaram por realizar o sonho de empreender compartilhando os riscos e somando as virtudes para encarar os obstáculos rumo ao sucesso. 

Juntos há mais de três anos, Luan Rosa e Raquel Moraes sempre tiveram o desejo de empreender e conseguiram realizar o sonho há um ano, quando se tornaram franqueados da Suporte Smart, rede de assistência técnica para celulares e venda de acessórios.

Luan relata os benefícios em empreenderem juntos. “A nossa maior vantagem é a parceria. Ela cuida do banco de dados dos clientes e de prospectar mais consumidores. E eu faço o serviço de campo, realizando toda parte de assistência, além, também, da prospecção de clientes na rua”.

O casal que começou o negócio com o dinheiro contado, hoje já faz planos para o futuro. “Queremos abrir mais franquias em outras cidades vizinhas que tem mercado para Suporte Smart”, revela Luan.

Foi durante a pandemia que o casal Thallison e Jockebede Meneses, juntos há 12 anos, tiveram a necessidade de aumentar a renda. Thallison começou a pesquisar franquias e conheceu a Premiapão, rede de publicidade em saco de pão.

Há nove meses na franquia, os estudantes de medicina contam como é compartilhar a maior parte do dia e como aproveitam para tocar o negócio. “Convivemos juntos 24 horas do dia, amamos a companhia um do outro e nossos maiores desafios são os conflitos de opiniões, mas aproveitamos o que cada um tem de melhor. Por exemplo, eu lido bem com público, já Jockebede é melhor na administração e isso nos faz ser uma ótima dupla”.

Para outros casais que estão pensando em empreender, eles dão algumas dicas. “É preciso descobrir o propósito para empreender, focar em algo que os dois gostam e possam se desenvolver cada dia mais, ser unidos e acreditar um no outro”, complementa o empreendedor.

Já Adilaine Nogueira da Silva e Leandro Dias Nascimento, juntos há 13 anos, escolheram a franquia Sofá Novo de Novo, há um ano e três meses, para realizar o sonho em ter o próprio negócio. “Já tínhamos esse desejo, uma vez que nos especializamos em administração de empresas, mas trabalhando em regime CLT não nos permitia conciliar nosso tempo em duas responsabilidades distintas. Após encerrarmos essa fase, decidimos investir no próprio negócio”, revela Leandro.

Marmita Fit menor

Para o casal, o maior desafio em empreender juntos é conciliar a vida pessoal com a profissional, mas eles também encontram inúmeras vantagens na parceria. “Poder administrar o nosso próprio horário, passar mais tempo juntos, estar mais próximo do nosso filho e acompanhando de perto o seu crescimento é gratificante e vale muito a pena”, revela Nascimento. 

Os parceiros Mel Gouvea e Bruno Ribeiro tornaram-se sócios em uma franquia da Park Education, especializada em idiomas e outros cursos livres, em Campinas, no interior de São Paulo. “O desejo e a ideia partiram do Bruno e eu apoiei, pois vimos na franquia um meio para alcançarmos um plano de vida compartilhado a longo prazo”, comenta a empresária. Para ela, existem alguns fatores que tornam o dia a dia mais fácil: a confiança, por saber que ambos estão dedicados para o sucesso do negócio e que beneficiará toda a família, e ter sempre alguém para contar e dividir os desafios.

Fonte: assessoria de imprensa

Por Rafael Gmeiner
Editor do site Mundo das Franquias


Agência VitalCom

Rafael Gmeiner

Jornalista, especialista em Produção de Conteúdo e Assessoria de Imprensa. Atualmente é CEO da Agência VitalCom e do site Mundo das Franquias. Há 20 atuando com Jornalismo e Comunicação, conta sua experiência com passagens por jornais impressos, televisão, rádio e sites, e acumula sete anos no segmento de Franquias