Nanofranquia: seu negócio por até R$20 mil

O baixo investimento permite que pessoas com pouco capital possam iniciar seus negócios, trabalhar a partir de casa e ter lucros recorrentes

Abrir o seu próprio negócio é o sonho de muitas pessoas. Na matéria 4 passos para iniciar seu próprio negócio, publicada aqui no site Mundo das Franquias, mostra que, segundo dados do Ministério da Economia, a abertura de empresas cresceu 0,5%, chegando a 2,152 milhões de empresas, entre os meses de janeiro e agosto deste ano.

Estes números têm relação direta com as chamadas nanofranquias, modalidade de negócio do franchising, atribuída pelo próprio mercado, que tem como principal característica investimento de, no máximo, R$20 mil, com todo suporte da franqueadora.

A ABF (Associação Brasileira de Franchising) não utiliza esse conceito de nanofranquia, entendendo que ele se engloba no modelo de microfranquias, contudo, a entidade compreende que em momentos como o que estamos vivendo, modelos menores e mais baratos ficam em evidência.

Muitas delas permitem o trabalho home office, parcelam o investimento e com payback rápido. Outras, precisam de estrutura e poucos funcionários. De modo geral, há diversas redes que oferecem esta modalidade de negócio, cada uma com sua particularidade, mas o que sabemos é que a nanofranquia é um excelente investimento para quem possui pouco capital, mas pretende abrir seu próprio negócio.

Redes que atuam com nanofranquia

A Ótris Soluções Financeiras  é uma rede de recuperação de valores devidos por inadimplentes para pequenos e médios negócios, que possui dois modelos para trabalhar em casa. No Home Based Negociador, o franqueado atua de forma direta na negociação para recuperação de crédito, com capacidade para atendimento de até 300 contatos. O investimento inicial é de R$10 mil, o prazo de retorno de 6 a 8 meses e faturamento médio de R$6.750. Já o modelo Home Based Comercial, o franqueado atua com prospecção de novos clientes para o Ótris App Credor para PME’s. O investimento inicial é de R$ 12 mil, com prazo médio de retorno de 6 a 8 meses e faturamento médio de R$ 6.750. Para os dois modelos o valor dos royalties é de R$400.

A TSValle é outra rede que oferece nanofranquia home office, com baixo investimento. Com a empresa do mercado de seguros, é necessário apenas uma entrada de R$2 mil (que podem ser parcelados), para custos com assessoria jurídica, treinamentos e marketing. O restante do valor para aquisição da franquia, R$6.900, será pago conforme o faturamento mensal do franqueado.

Agência VitalComPowered by Rock Convert

A Sóbrancelhas, rede especializada em embelezamento e estética facial, passou a oferecer nanofranquia como alternativa para as pessoas que foram atingidas pela crise com o desemprego e procuram a oportunidade de ter seu negócio próprio. Com investimento a partir de R$8 mil reais, é direcionada para profissionais da área de beleza, que possuem um espaço ou sala comercial, e também para pessoas que desejam realizar atendimentos de vendas porta a porta, podendo atingir uma margem de lucratividade de vendas de produtos de 30% a 90%, com todo treinamento online.

A Distrito Digital é uma rede de agência digital especializada em marketing digital e de vendas online, com anúncios no Google e nas redes sociais, criação de sites, landing page e loja virtual para micro e pequenas empresas, além de oferecer solução especializada em publicidade local por meio de um guia comercial online, aplicativo e modelos pré-prontos. O valor de investimento inicial varia entre R$13.500 (para região até 90 mil habitantes) e de R$18.500 (para cidades ou região com capacidade para atender 250 mil habitantes).

O Dot Bank, é um banco digital voltado para empresas com alto volume de emissão de boletos bancários, que desejam automatizar 100% o fluxo de pagamento e recebimento. A rede atua exclusivamente com o modelo home office e exige espaço físico de apenas 10m². Com investimento inicial de R$6 mil, já somados a taxa de franquia e o capital de giro, o faturamento médio mensal é em torno de R$5 mil, com payback entre 1 a 12 meses.

Com apenas R$2.500 já é possível se tornar um licenciado da Gigatron Franchising, rede especializada em desenvolvimento de software, no modelo home office, com faturamento médio de R$5 mil, que requer apenas um computador, telefone e internet em uma área de cerca de 10m².

Por Rafael Gmeiner
Editor do site Mundo das Franquias


Rafael Gmeiner

Jornalista, especialista em Produção de Conteúdo e Assessoria de Imprensa. Atualmente é CEO da Agência VitalCom e do site Mundo das Franquias. Há 20 atuando com Jornalismo e Comunicação, conta sua experiência com passagens por jornais impressos, televisão, rádio e sites, e acumula sete anos no segmento de Franquias