Na contramão da crise, empresário investiu e inaugura a nova unidade da rede e segue prosperando com as vendas pela internet

Anjos Colchões & Sofás inaugura loja em Maringá (PR) e aposta em vendas online

Na contramão da crise, empresário investiu e inaugura a nova unidade da rede e segue prosperando com as vendas pela internet

Há dois anos atuando junto à rede de franquia Anjos Colchões & Sofás, o empresário Rodrigo Valentim viu na cidade de Maringá a oportunidade de crescer e expandir os negócios. Natural de Campo Mourão, onde adquiriu sua primeira unidade da rede, Valentim traçou para 2020 planos mais audaciosos. “Maringá é uma cidade maior, com uma população de mais de 420 mil pessoas e um IDH alto, ou seja, um local em que eu posso crescer e projetar aberturas de novas unidades. Não à toa, inauguramos essa operação em um espaço de 300m² e pretendemos ampliar para 380m² até o final do ano”, revela.

Estava tudo certo se não fosse a pandemia que, em março, chegou ao Brasil e, em meio às incertezas da capacidade do sistema de saúde de atender os enfermos, paralisou o país. “Segui os planos e resolvi trabalhar mesmo no meio da crise, mas investindo nos canais digitais. Produzimos boas imagens e intensificamos as campanhas nas redes sociais, que direcionava os interessados aos nossos canais de comunicação. Assim, fomos conhecendo casa pessoa e personalizando o atendimento, afinal, uma boa venda envolve conhecer as reais necessidades do cliente e direcionar um produto que de fato possa resolver seu problema. O online é capaz de fazer tão bem essas ações quanto no presencial”, afirma Valentim.

Com boa parte das lojas fechadas em todo o país por não ser considerada um serviço essencial, o segmento de móveis sentiu a retração nesse primeiro trimestre do ano, segundo dados do IBGE, e alcançou o patamar de -25,9%. Mas se esse número assusta, um levantamento feito pela ABComm (Associação Brasileira de E-Commerce) traz uma contrapartida bastante positiva: após mais de um mês de quarentena, o e-commerce de móveis teve uma das maiores altas, chegando ao patamar de 47,6%, atrás de eletrônicos e bebidas. Surfando nessa onda, o empresário, que apostou nas vendas online, conseguiu fechar o primeiro mês de operação da loja com um faturamento de R$ 80 mil.

Há 18 anos no mercado formal de vendas, Rodrigo Valentim é enfático no conselho aos empreendedores. “O segredo é saber abordar o cliente, identificar o que precisa e ajudá-lo nesse processo; é se preocupar com ele e com família dele. A venda se complementa sozinha depois”. Os planos seguem intactos e a perspectiva, além de ampliar o tamanho da loja ainda esse ano, é abrir oito novas operações da franquia. E mesmo que o comércio retome a rotina, com as lojas abertas em seus horários padrões e sem o temor da pandemia da Covid-19, Rodrigo pretende continuar apostando nos canais online, já que para ele, o crescimento das vendas no digital reflete uma demanda da sociedade, que pode muito bem ser conciliada com o segmento de colchões e estofados.

Por Rafael Gmeiner
Editor do site Mundo das Franquias


Rafael Gmeiner

Jornalista, especialista em Produção de Conteúdo e Assessoria de Imprensa. Atualmente é CEO da Agência VitalCom e do site Mundo das Franquias. Há 20 atuando com Jornalismo e Comunicação, conta sua experiência com passagens por jornais impressos, televisão, rádio e sites, e acumula sete anos no segmento de Franquias